Insuficientemente ágil
o animal de trinta e poucos anos
aprende certos valores
somatórios;

— Sofrer.
Pressinto da dor que sinto
donde tal dor dói,
tanto que em lugar algum
como se fosse incomum
adoecer-se tanto efervescentemente
de sentir a dor fora do doente
e sendo assim sofrer se torna eternamente
Sofrer, simplesmente.
Prefiro que esta dor que já calculo
precisa como uma pétala
encerrada em si se fecha no escuro
e o maior absurdo do Mundo
já foi medir estrelas

— Não me venha você medir as dores alheias, vagabundo.

Categorias: PoesiA

GUSTAVO L CONTE INFORMATICA ME

"Porque [Deus] faz que o seu Sol se levante sobre Maus e Bons, e a chuva desça sobre Justos e Injustos." Mateus 5:45

Deixe uma resposta