Rascunho da Paz

Publicado por GUSTAVO L CONTE INFORMATICA ME em

Rascunho da PaZ
——– por Guz 16/11/2016
Saiba que a melhor medalha
que a glória da maior batalha
que a única bandeira a ser hasteada
será fincada por um menino
um garoto, uma guria
crianças não tem nem podem ser, inimigas…
se eu canto, é pranto
se ao menos, eu pudesse
conjurar, anjos…
eu não queria cantar males
eu nunca soube nem cantar nada
mas ouso a pena na cantiga + desafinada
pois porto a vencedora armada
a mais flamejante espada
a letra arde e irradia
a Paz, um dia…
os anjos, os santos
se os piás, só não crescessem
negar o pranto
Tente se alembrar
do dia que te amedrontaram
e aprendeste a odiar
o diferente
Ainda pode se perdoar
a si por não se aceitar
ao outro como teu equivalente
Se caso conseguir brotar
a mais simples das sementes
quem sabe esqueceria agora
de oponentes
se eu canto, é pranto
se ao menos, eu soubesse
conjurar, anjos
com sangue de subordinados
os homens tão monocromáticos
colorem chamas de bandeiras
sem significado
Veremos então os meninos
que sabem não saber sequer
o que significaria
palavra ingrata,
“inimigo”.
os anjos, os santos,
são os piás, por que cresceste?
Queria tanto
que do pranto
nós esquecêssemos
lembrar do canto
do canto…

Categorias: PoesiA

GUSTAVO L CONTE INFORMATICA ME

"Porque [Deus] faz que o seu Sol se levante sobre Maus e Bons, e a chuva desça sobre Justos e Injustos." Mateus 5:45

Deixe uma resposta